Minicursos - Lógica de Programação

Estruturas de Decisão


Estrutura de decisão é um dos assuntos mais importantes de tudo o que pode haver para ser falado neste minicurso. E não se preocupem, porque trata-se de algo extremamente simples.

Uma estrutura de decisão é só um comando capaz de executar um teste e, dependendo da resposta deste, que poderá ser verdadeiro ou falso, ele pode provocar um desvio no fluxo de execução do código. Parece complicado, mas é extremamente simples. Vamos imaginar um pequeno programa que pergunta a idade do usuário e responde uma mensagem dizendo se ele já é maior de idade ou não. Uma sugestão de pseudocódigo pode ser a seguinte:

VARIAVEIS
Idade:Integer;
INICIO
Idade ← 0;
ESCREVA(‘Por favor, digite sua idade: ’);
LER(Idade);
SE Idade >= 18 então
ESCREVA(‘Você já é maior de idade!’);
SENÃO
ESCREVA (‘Você não é maior de idade ainda.’);
FIM

Fazendo alguns comentários importantes sobre este bloco de comandos, teremos:



Como foi possível perceber, uma estrutura de decisão é como se fosse uma pergunta que é feita em determinado momento do código e, dependendo da resposta retornada, o fluxo caminhará para uma direção ou outra. Vale destacar que vários testes podem estar aninhados dentro da mesma estrutura. Aproveitando o exemplo acima, vamos imaginar que se a idade digitada pelo usuário fosse menor ou igual a 10 anos, então exibiríamos uma mensagem personalizada dizendo ao usuário que ele ainda é uma criança. Então nosso pseudocódigo ficaria da seguinte forma:



Aqui ficou claro que os testes podem estar aninhados e, caso o primeiro teste falhe, o segundo é feito. Se ele falhar também, o próximo é executado, e assim por diante. A grande observação é a seguinte: é possível perceber que o último comando 'SENÃO' está isolado, sem qualquer outro teste 'SE' junto dele. Isso significa que queremos que o código vinculado a este bloco seja executado caso todos os anteriores falhem. Nós queremos que o fluxo de execução passe por ele caso todos os testes anteriores retornem o valor falso, então, por este motivo, ele deve ser sempre o último comando a ser inserido dentro da estrutura de decisão.

Ilustrando esta teoria em um fluxograma, teríamos algo como:


É isso. No tópico seguinte falarei sobre estruturas de repetição.



Algumas notícias

O que acontece com o cérebro no exato momento em que morremos

O que passa em nossa cabeça no momento da morte? Não se sabe exatamente e, embora os cientistas tenham alguma resposta, a resposta continua sendo um grande mistério. Além de difícil solução, tentar respondê-la pode criar implicações éticas. No entanto, uma equipe de cientistas da Universidade...

Ler Notícia Completa

Operada e devolvida ao útero, menina que nasceu duas vezes hoje 'acorda sorrindo toda manhã'

Um bebê pode nascer duas vezes? Não é o caso da absoluta maioria das crianças, mas foi assim para a pequena Lynlee Boemer. Em outubro de 2015, sua mãe, Margaret Boemer, descobriu que estava grávida de gêmeos. Ela sofreu um aborto espontâneo, mas um dos bebês sobreviveu. Com dez semanas de ges...

Ler Notícia Completa

Médicos dizem estar perto de chegar a exame de sangue para todos os tipos de câncer

Cientistas dizem que estão mais perto de criar um exame de sangue universal, capaz de identificar todos os tipos de câncer. Estudo conduzido com 1.005 pacientes por uma equipe da Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos, testou um método que detecta oito tipos de proteínas e 16 mutações ge...

Ler Notícia Completa

Formato JPEG está com os dias contados

Há quantos anos você ouve falar em arquivos JPG? O formato já era utilizado nos primórdios da web comercial nos anos 1990, vivendo há mais de 20 anos como o principal método de compressão de imagens do público. No que depender de Google, Mozilla e outras empresas, isso pode mudar dentro de algum...

Ler Notícia Completa
Você gostará destes vídeos: