Leia também!

Conheça a terapia que previne o HIV, que começará a ser oferecida no Brasil gratuitamente

A partir deste mês, o governo brasileiro irá disponibilizar no Sistema Único de Saúde (SUS) a terapia PrEP, que, por meio de um comprimido por dia, previne a infecção pelo HIV. O remédio, que tem efeitos colaterais, será reservado para casos específicos dentro de grupos de vulnerabilidade, como...

Ler Notícia Completa

EUA aprovam 'droga viva', 1ª terapia contra câncer que reestrutura sistema imunológico do paciente

Os Estados Unidos aprovaram o primeiro tratamento que reestrutura o sistema imunológico do paciente para atacar o câncer. A agência reguladora de medicamentos do país - a FDA - diz que a decisão foi um momento "histórico" e que a medicina agora "entra em uma nova fronteira". A companhia Novar...

Ler Notícia Completa

Brecha no navegador Tor exibia os IPs reais dos usuários

O Tor é um navegador criado para navegação anônima, protegendo o usuário de ser identificado tanto para fins nobres (denúncias contra governos autoritários, por exemplo) quanto para fins criminosos (tráfico de drogas e pedofilia, por exemplo). Então, é compreensível que a comunidade tome um susto...

Ler Notícia Completa

Formato JPEG está com os dias contados

Há quantos anos você ouve falar em arquivos JPG? O formato já era utilizado nos primórdios da web comercial nos anos 1990, vivendo há mais de 20 anos como o principal método de compressão de imagens do público. No que depender de Google, Mozilla e outras empresas, isso pode mudar dentro de algum tempo.

 

Como aponta o site CNET, as duas empresas lideram um novo projeto dentro da Alliance for Open Media (AOMedia), uma coalisão de gigantes da tecnologia em prol da de novos formatos de compressão de imagens, principalmente vídeo. O grupo desenvolve a tecnologia AV1, para vídeo, que está em fase de adaptação para também melhorar as fotos.

 

O grupo não é o único a tentar substituir o JPG. A Apple também revelou no ano passado o seu próprio formato chamado de HEIC, que já foi implementado com o iOS 11, que permite fotos duas vezes mais leves que o JPG sem perda de qualidade. No entanto, a ideia da AOMedia parece um pouco mais promissora. Tim Terriberry, engenheiro da Mozilla, no entanto, diz que o projeto da AOMedia, que ainda não tem um nome, consegue imagens 15% mais leves do que o HEIC sem perda de qualidade.

 

O JPG é extremamente popular na web, mas está ultrapassado. Ele cria arquivos desnecessariamente grandes, como é possível ver com os resultados obtidos com o AV1 e o HEIC, além de fracassar quando o assunto é qualidade. Ele falha ao lidar com níveis de brilho distintos, tons escuros, um espectro amplo de cores e elementos gráficos como textos e logos.


Compartilhe essa notícia
Você gostará destes vídeos:

Formato JPEG está com os dias contados

Há quantos anos você ouve falar em arquivos JPG? O formato já era utilizado nos primórdios da web comercial nos anos 1990, vivendo há mais de 20 anos como o principal método de compressão de imagens do público. No que depen...[clique e leia na íntegra]