Minicursos - C#

Timer


Para que possamos fazer uma barra de progresso dentro de uma tela de Splash é necessário compreender a ferramenta Timer, mas ela é bastante simples. Basicamente ela cria eventos recorrentes, ou seja, eventos que se repetem em intervalos de tempo que podemos definir de acordo com nossa necessidade.

Vamos aos exemplos práticos, que mostrarão como lidar com esta simples, mas poderosa ferramenta. Aliás, ela é tão simples que sequer vou utilizar agora o nosso arquivo de exemplo contendo o programa de cadastro de clientes, mas sim criar um projeto vazio, pois será mais fácil demonstrar nele.

Então, em um projeto vazio vou arrastar um componente Timer para ele, conforme imagem abaixo:

Timer C#

Notem que o componente Timer é um dos que não se incorpora diretamente ao formulário, mas que age “nos bastidores”, por isso fica presente no rodapé do Visual C#. Agora, para já demonstrar claramente a função do Timer, vamos arrastar um componente Label para o formulário e alterar o seu texto para o número 1, conforme a imagem abaixo:

Timer C#

Em seguida vamos adicionar um botão ao formulário e rotula-lo como “Iniciar Timer”, dessa forma:

Timer C#

Agora vamos adicionar código ao botão adicionado. Cliquemos duas vezes nele para gerar a função click e façamos a inserção do código abaixo, que o vinculará ao Timer adicionado:

Timer C#

Com isso fizemos a associação do clique do botão com o disparo do Timer. Agora execute o código e clique no botão para iniciar o disparo.

E então, o que aconteceu? Se no seu programa nada acontece, então está tudo correto! O fato é que associamos o clique do botão ao disparo do Timer, no entanto não vinculamos função alguma ao Timer! Na verdade temos a impressão de que nada está acontecendo, mas de fato o Timer está sendo disparado, só que ele não está programado para fazer nada! Vamos corrigir isso agora. No formulário vamos clicar duas vezes sobre o Timer para criar a função Tick, conforme ilustra a imagem abaixo:

Timer C#

O evento Tick é como se fosse o “Tick” de um relógio, ou seja, o passo do ponteiro dos segundos. Tudo o que estiver dentro desta função será executado a cada iteração do Timer. Então, para que isso se torne visível, criemos o seguinte código:

Timer C#

Este código é bem simples, mas caso não tenha ficado claro, estou pegando a variável global i e a atribuindo ao texto do Label inserido. No mesmo tick, ou seja, no mesmo ciclo faço o incremento dessa variável.

Agora vamos executar o código novamente e clicar no botão de disparo.

Timer C#

Agora o texto do Label está recebendo, a cada iteração do Timer, o valor da variável i, que também é incrementada a cada ciclo.

Nós poderíamos alterar o tempo de cada ciclo deste processo mexendo no valor da propriedade “Interval” do Timer. Altere-o de 100 para 1000, conforme a figura abaixo:

Timer C#

Agora execute e veja a diferença.

Deve ter ficado bem mais lento. Essa propriedade altera o intervalo entre os eventos e, assim como todas as propriedades de tempo do Visual C#, é medida em milissegundos.

E já que estamos falando em propriedades, vou comentar as mais importantes. A primeira é o (Name), que não é novidade e seu funcionamento é idêntico aos botões, checkboxes, textboxes e todos os outros componentes. Em seguida temos o Enabled, que determina se o Timer já iniciará ligado ou não. Para este pequeno exemplo, se o deixarmos com o valor "True", será desnecessário clicar no botão para iniciar o Timer. As propriedades GenerateMember e Modifiers se referem a como o Visual C# tratará o componente, e com sua visibilidade, respectivamente, e a propriedade Tag define uma sequência de identificação para o componente, mas nenhum dos três é relevante para a compreensão do componente Timer. O importante aqui é saber que o Interval define o intervalo entre um ciclo e outro do Timer e que o Enabled pode já inicializar o formulário com ele ativado.

Interrompendo um Timer

Bem, agora que sabemos como iniciar o Timer (função nome_do_timer.Start()), vamos ver como encerra-lo.

Da forma como nosso pequeno programa está agora, se clicarmos no botão "Iniciar Timer", o Label receberá o valor da variável i, que é incrementada a cada ciclo, portanto temos a impressão que disparamos um contador e que ele não terá fim. Vamos imaginar que queremos que ele pare no número 60. Para isso deveremos criar esse pequeno código:

Timer C#

Esse foi o Timer! Aqui fiz um exemplo simples, que altera uma variável, mas suas opções de uso são inúmeras. O que é importante ser guardado é que ele gera eventos recorrentes, sua função Start inicia o processo e a Stop o interrompe. A propriedade Interval define os tempos, em milissegundos, entre um ciclo e outro e a Enabled o inicia automaticamente se estiver definida com o valor "True". É isso!

No próximo tópico o utilizaremos para inserir uma barra de progresso na tela de Splash.



Algumas notícias

Xiaomi vende 52,9 milhões de celulares no segundo trimestre de 2021 e faturamento dispara

A gigante chinesa Xiaomi registrou um aumento de quase 85% no seu faturamento no segundo trimestre de 2021 em comparação ao mesmo período do ano passado. A receita divulgada pela empresa foi de 13,5 bilhões de dólares (algo em torno de 70 bilhões de reais) nos meses de abril a junho deste ano...

Ler Notícia Completa

Galaxy S9 e Galaxy S9 Plus receberão atualização de segurança este mês

A Samsung começou a liberar esta semana, para proprietários dos modelos Galaxy S9 e Galaxy S9 Plus, uma nova atualização de segurança. Por enquanto somente alguns países da Europa receberam o pacote, que deve ser dis...

Ler Notícia Completa

Novas câmeras 'debaixo da tela' da Oppo surpreendem

Para muitos, colocar uma câmera embaixo da tela de um celular era uma tarefa impensável, por conta de diversos problemas técnicos. Os primeiros testes da Oppo que se propuseram a isso geravam imagens de qualidade bastante insatisfatória, já que a captação da luz era prejudicada pela tela. A prim...

Ler Notícia Completa

As memórias DDR5 estão chegando e trarão muitas melhorias

A próxima geração de memórias RAM já possui especificações definidas e promete grande melhoria em relação às atuais DDR4. E o mais importante: mesmo com desempenho bastante superior, elas consumirão menos energia. A tensão de trabalho das memórias DDR5 será de apenas 1.1V contra os 1.2V das atu...

Ler Notícia Completa

Google Chrome consumirá menos memória RAM em breve

O navegador da gigante de buscas da Internet é, sem dúvida, um dos melhores disponíveis, mas é inegável que o consumo de memória RAM por parte dele é exagerado. Este problema já se estende por anos, mas parece que em breve ele terá uma solução. Um novo recurso do Windows 10, chamado SegmentHeap...

Ler Notícia Completa

Sites e vídeos sem propagandas? Sim, é possível através da exploração de uma falha!

Seguramente você já se deparou com sites que bloqueiam o conteúdo da página e te obrigam a assinar determinado serviço para ler o conteúdo, certo? Ou foi tentar assistir aquele vídeo e as propagandas em tela cheia não pararam de surgir. Bem, todos já nos deparamos com isso, no entanto, um bug de...

Ler Notícia Completa
Ajude o Contém Bits com um cafezinho!

Se você gostou do artigo, se ele lhe foi útil de alguma maneira e você quiser ajudar o Contém Bits, saiba que é simples, fácil e rápido. Basta clicar na imagem do PayPal (ou no cafezinho) e seguir as instruções, em ambiente seguro e com o respaldo do Paypal. Eu agradeço muito! :)


Você gostará destes vídeos!