As listas são uma ferramenta incrivelmente útil para armazenar dados diversos. Nós podemos pensar em uma lista como sendo um vetor capaz de armazenar quaisquer tipos de dados, mas com uma enorme vantagem: quando criamos um vetor, devemos informar o seu tamanho, mas nas listas isso não é necessário. Ela pode aumentar ou diminuir de tamanho automaticamente de acordo com a inserção ou remoção de conteúdo. Vamos começar com um exemplo bem simples de uma lista para armazenar números inteiros.

Listas - C#

Add

Agora vejam como é simples inserir valores nela. Colocarei a seguinte sequência de números, cada um em uma posição: 16, 5, 23, 19.

Listas - C#

Para fazer a utilização desses valores, o procedimento é semelhante. Vou exibir no Console o valor da segunda posição (sempre lembrando que começamos a contar a partir da posição zero).

Vou inserir o seguinte comando para a exibição dessa posição:

Console.WriteLine(minhaLista[2]);

Console.ReadLine();

Vejamos como será a saída:

Listas - C#

A posição 2 solicitada é a terceira inserida, portanto a que contém o valor 23.

Contando os itens de uma Lista

Existe um comando extremamente útil que nos retorna um número inteiro contendo a quantidade de itens em uma Lista. Trata-se do Count. Ele pode ser útil, por exemplo, dentro de um comando For, para que saibamos quando determinar a condição de parada. Vejam como ficaria na prática:

Listas - C#

A saída será:

Listas - C#

Conseguimos imprimir na tela todos os objetos contidos em minhaLista.

Removendo um item da Lista

Para remover um objeto presente em uma Lista é muito simples. Só precisamos substituir o comando Add pelo Remove e passar como parâmetro o item que desejamos excluir.

Listas - C#

A saída agora ficará:

Listas - C#

Notem que na segunda impressão da lista, após o espaço em branco, o número 5 não está mais presente, o que significa que a remoção aconteceu com sucesso.

Removendo itens de uma Lista através do índice

Outra forma de remover um item de uma Lista é através do seu índice. Isso é feito de maneira bastante semelhante ao processo exibido acima, mas no lugar de Remove usaremos o RemoveAt, passando como parâmetro o índice que desejamos remover.

Listas - C#

Vejamos a saída.

Listas - C#

Notem que na segunda exibição da Lista o número 16 não está mais presente.

Invertendo os itens de uma Lista

Outro comando interessante é o Reverse, que inverte totalmente uma lista. Vejam sua utilização abaixo:

Listas - C#

A execução agora terá a seguinte saída:

Listas - C#

Agora a ordem dos elementos está invertida.

Descobrindo a média aritmética dos itens de uma Lista numérica

Outro comando interessante das listas é o Average, que nos retorna a média aritmética dos elementos presentes. Vamos testá-lo.

Listas - C#

Agora vamos verificar a saída e a impressão da variável média:

Listas - C#

Aí está o cálculo correto realizado pela função.

Procurando itens em uma Lista

Até aqui vimos como inserir e remover objetos de uma Lista, invertê-la, calcular a média e, como próximo parâmetro, vamos ver como procurar um valor na lista, que é uma função de grande importância.

O comando responsável por isso é o Contains. Vejam como funciona:

Listas - C#

No exemplo acima pedi ao Contains que procure o elemento 5 dentro da Lista. Esse elemento existe, portanto devemos receber true como retorno. Vejamos se isso acontece:

Listas - C#

De fato a função retornou True, pois o elemento existe. Se não existisse receberíamos False como retorno.

Descobrindo a posição de um elemento em uma Lista

Além de saber se um elemento existe, pode ser importante saber em qual posição da Lista ele se encontra. Essa informação também é fácil de ser conseguida através do método IndexOf. Sua sintaxe é:

Listas - C#

Vejamos a execução:

Listas - C#

O programa retornou a posição 3, que é, de fato, o local em que o item 19 se encontra. Apenas para ilustrar, segue abaixo a execução de um código com um número inexistente na Lista:

Listas - C#

Ordenando itens de uma Lista

Outra opção que pode ser interessante é ordenar os itens de uma Lista, seja para exibi-los, gravar num banco, enfim, não importa. Seja lá qual for sua razão, se precisar ordenar os itens, deverá fazê-lo utilizando o método Sort. Segue abaixo um exemplo:

Listas - C#

Vejam a saída com a lista já ordenada:

Listas - C#

Aí está nossa Lista corretamente ordenada.

A última importante observação que faço é que dei todos os exemplos com números inteiros, mas poderíamos ter criado listas com outros tipos, por exemplo com números double:

Listas - C#

E como é possível perceber na imagem acima, o comando Sort também pode ser aplicado a esse tipo de dado sem qualquer problema. Abaixo temos a impressão da nossa lista do tipo double devidamente ordenada:

Listas - C#

Agora vamos criar uma lista do tipo String:

Listas - C#

Nossa lista agora será:

Listas - C#

Armazenando objetos em uma Lista

Como deu para perceber, as listas aceitam diversos tipos de itens. É possível, inclusive, criar uma classe qualquer e armazenar as instâncias dessa classe em uma lista. Criarei uma classe "Aluno" como exemplo:

Listas - C#

Agora adicionarei instâncias dessa classe em uma lista, da seguinte forma:

Listas - C#

Dessa forma teremos uma lista contendo objetos do tipo "Aluno".

Bem, estas foram, na minha opinião, as mais importantes funções relacionadas às Listas, mas existe muito mais! Basta dar uma olhada no IntelliSense do Visual Studio para perceber que se pode fazer praticamente de tudo com listas. Elas são realmente úteis!


HARDWARE

Entendendo o seu computador

O que há dentro do meu computador?

Existem alguns componentes fundamentais presentes dentro do seu computador e é muito importante que você conheça um pouco sobre eles, seja para argumentar com algum vendedor durante a compra de um novo PC ou para identificar alguma atitude desleal de algum técnico que esteja te passando um orçamento para reparo. Na seção Raio-X aqui do Contém Bits você pode conhecer e entender mais detalhadamente sobre cada componente, ou também pode clicar abaixo no componente que deseja, para conhecê-lo melhor.

  • Gabinetes

  • Placas-Mãe

  • Processadores

  • Memória

  • Fontes

  • Drives Ópticos

  • Discos Rígidos

  • SSD

  • Placas de Som

  • Placas de Vídeo

Você Sabia?

O título Tetris detém o recorde de jogo mais adaptado de todos os tempos. No total foram mais de 60 plataformas diferentes que receberam alguma versão do quebra-cabeças criado por Alexey Pajitnov. Conheça mais sobre este incrível jogo clicando aqui.


O personagem Mario surgiu pela primeira vez no mundo dos games em um jogo chamado Donkey Kong, lançado em 1981. Mario, que naquela época se chamava Jumpman, não era o personagem principal do jogo, mas ele se tornaria um dos mais famosos personagens do mundo dos games. Saiba mais.


A empresa Universal City Studios, detentora dos direitos autorais do King Kong, processou a Nintendo logo após o lançamento de Donkey Kong, pois segundo ela, o game violava os seus direitos. Ela venceu o processo e recebeu da Nintendo uma indenização de quase 2 milhões de dólares.


Ao completar o nível 99 do jogo Duck Hunt, para Nintendo, o jogo retorna ao primeiro nível, mas um bug impede que se acerte os patos neste recomeço. Este é um exemplo do que é chamado no mundo dos games de "Kill Screen".


Em 1949 a revista Popular Mechanics fez uma previsão para o futuro, dizendo: "Um dia os computadores pesarão menos do que 1,5 tonelada". E pensar que temos smartphones capazes de realizar milhões de vezes mais operações do que os computadores daquela época.


Apenas no ano de 1982, o clássico Pac Man vendeu mais de 400 mil máquinas de fliperama em todo o mundo e recebeu cerca de 7 bilhões de moedas nestas máquinas. Saiba mais.


O famoso título Final Fantasy, da Square Enix, tem este nome exatamente porque se tratava da última esperança da empresa, que estava à beira da falência quando o lançou. Clique aqui e conheça detalhes dessa história.


O filme Mortal Kombat, inspirado no jogo de mesmo nome, faturou 23 milhões de dólares apenas no fim de semana de estreia nos EUA. Ainda sobre este título de sucesso, outra cifra que impressiona é o faturamento ao longo do primeiro ano: 1 bilhão de dólares no mundo todo.


O título Asteroids, do Atari, possui recorde de pontuação há 30 anos. Em 1982 um americano chamado Scott Safran atingiu a marca de 41.336.440. Atualmente ele faz parte de um minúsculo grupo de jogadores que conseguiram manter seus recordes por mais de 30 anos.


Utilizar seu notebook em camas, sofás ou qualquer superfície macia pode obstruir as entradas e saídas de ar, elevando a temperatura e provocando danos a diversos componentes. Utilize-o sempre sobre uma superfície rígida. Saiba mais aqui.


Street Fighter 2, lançado para o Super Nintendo no início dos anos 90, foi o principal responsável pelo aumento nas vendas deste console. Graças ao sucesso do título nos Arcades e à perfeita adaptação ao console, muitos consumidores adquiriram o SNES para jogarem o título em casa. Saiba mais.


O primeiro jogo a fazer uso de uma Inteligência Artificial foi o Mouse in the Maze, criado em 1955, na União Soviética. Você pode saber mais sobre ele clicando aqui.


Excesso de barulho dentro do seu gabinete, principalmente logo que você o liga, pode ser sintoma de problemas nas ventoinhas, que podem precisar ser limpas ou trocadas. Entre em contato com um técnico de sua confiança e verifique isso o quanto antes.


O jogo Final Fantasy X para o Sony Playstation 2 vendeu, apenas no dia do seu lançamento, 1.455.732 cópias, estabelecendo um recorde de vendagem para as primeiras 24 horas de um game. Méritos da SquareSoft, que desenvolveu um excelente produto!


A primeira versão do clássico Mega Man, para Nintendo 8 bits, tem seu recorde de pontos estabelecido em 03/11/2006, por David Archey, que cravou 2.396.700 pontos, terminando o jogo.


Instalar vários aplicativos com o mesmo propósito, como editores de texto, reprodutores de músicas ou vídeos e até programas antívirus sobrecarregam o seu sistema operacional e ainda ocupam espaço desnecessário em seu HD. Tenha apenas um bom programa para cada função.


O Playstation só nasceu porque uma parceria entre Sony e Nintendo, para desenvolver uma unidade de CD para o Super Nintendo, fracassou. Clique aqui e saiba mais.


O épico jogo River Raid, do Atari, foi desenhado e boa parte de sua programação foi feita por uma mulher: Carol Shaw, uma excelente programadora e funcionária da Activision em 1982. Saiba mais sobre a história deste incrível jogo, aqui.


O título Space Invaders, lançado em 1980, fez tanto sucesso em todo o mundo que as pessoas compravam o console Atari apenas para poderem jogá-lo em casa. Saiba mais sobre este incrível título clicando aqui.


Digitar senhas em computadores de uso coletivo é extremamente perigoso, pois além de softwares de monitoramento, existem dispositivos de hardware que podem capturar suas senhas. Evite ao máximo acessar sites de bancos a partir destes computadores. Veja mais aqui.


Criar um jogo é muito mais complexo do que parece. São milhares, às vezes, milhões de linhas de código. Isso não é exagero! Apenas o jogo Ultima Online possui 6.006.313 linhas de programação, totalizando 25.103.295 palavras


A partida mais longa do clássico Space Invaders durou incríveis 38 horas e 32 minutos e esta façanha foi conseguida por um jogador de apenas 12 anos! O jogo, claro, podia ser pausado para alimentação e descanso, mas ainda assim o recorde, estabelecido no dia 02/09/1980, ainda não foi quebrado. Saiba mais.


O personagem Mario só possui bigode porque quando ele foi criado, em 1981, a resolução de tela dos equipamentos disponíveis não permitia que fosse desenhada uma boca, então os desenvolvedores fizeram o grande bigode para contornar essa limitação tecnológica.


A Máquina de Pascal, criada em 1642 pelo filósofo, físico e matemático francês Blaise Pascal, é reconhecida como o primeiro computador do mundo e ele foi criado com o objetivo de calcular impostos. Saiba mais.


O ENIAC, primeiro computador valvulado do mundo, possuía 17.000 válvulas, 500.000 pontos de solda, 30 toneladas de peso e ocupava uma área de 180 metros quadrados. Clique aqui e conheça mais sobre a história dos computadores.


Nos primeiros oito dias após o lançamento do console Nintendo Wii foram vendidas 600 mil unidades. Isso equivale a quase um por segundo e estes incríveis números são referentes às vendas apenas nos EUA!


O ábaco é o dispositivo de cálculo mais antigo construído e conhecido pelo homem. Suas formas mais primitivas datam de 400 a.C. e eles foram encontrados na China e na Babilônia. Para saber mais sobre a história dos computadores, clique aqui.


O console Nintendo Entertainment System (NES), da Nintendo, detém o recorde de videogame mais clonado em todo o mundo. Já foram catalogados mais de 300 aparelhos diferentes capazes de reproduzir seus jogos! Saiba mais sobre ele aqui.


O mouse foi criado em 9 de dezembro de 1968, por um americano chamado Douglas Engelbart, que o batizou de "XY Position Indicator for a Display System". Conheça a história do mouse clicando aqui.